Resultados exatos
Procurar nos títulos
Procurar no conteúdo
Procurar nos comentários
Search in excerpt
Procurar nas mensagens
Procurar nas páginas
Search in groups
Search in users
Search in forums
Filtrar por tipo
Filter by Categories
Devocional
Notícias
Palavra dos pastores
Uncategorized
Vida Cristã

Data:
Unknown-3

“Então Jesus lhe disse: “Porque me viu, você creu? Felizes os que não viram e creram”.” (João 20:29)

Todos conhecemos pessoas como Tomé. Pessoas difíceis de ser convencidas, que duvidam com frequência e normalmente são negativas. Pessoas que não acreditam no que não podem ver. É provável que todos nós tenhamos sido assim algum dia.

Mesmo depois que os demais discípulos creram na ressurreição por terem visto Jesus pessoalmente, Tomé insistia na descrença. Não acreditou até que Jesus apareceu no lugar em que todos estavam reunidos atrás de uma porta fechada. Poderíamos pensar que isso fosse evidência suficiente. Mas Tomé precisou tocar as mãos de Jesus traspassadas pelos pregos e seu lado, onde a lança o ferira. Jesus disse a Tomé que ele cria por ter visto, mas os que criam sem ter visto seriam abençoados.

Quem acreditar que Jesus morreu por nós e ressuscitou dentre os mortos está entre os bem-aventurados. Deus quer, porém, abençoar-nos de muitas maneiras que requerem fé. Fé em sua Palavra. Fé em suas promessas. Fé em seu amor, seu poder e sua bondade. Ele quer que creiamos em coisas que ainda não podemos ver. Tomé precisou de ajuda para crer. Muitas vezes nós também precisamos. Como aquele pai que levou o filho a Jesus para ser curado, podemos clamar a Deus: “Creio, ajuda-me a vencer a minha incredulidade!” (Mc 9:24).

Em tempos de dúvida, devemos ser sinceros com Deus. Não queremos ser pessoas que não crêem até que tenham visto. Quando se trata de oração, a verdade é que não veremos até que tenhamos fé.

Fonte: Diante do Trono

CategoryDevocional
Topo
Compartilhar: