Resultados exatos
Procurar nos títulos
Procurar no conteúdo
Procurar nos comentários
Search in excerpt
Procurar nas mensagens
Procurar nas páginas
Search in groups
Search in users
Search in forums
Filtrar por tipo
Filter by Categories
ACONTECE
Devocional
Notícias
Palavra dos pastores
Uncategorized
Vida Cristã

Data:

O livro de Juízes traz a história de uma grande mulher, esposa, mãe, juíza e profetiza. Seu nome era Débora, que no hebraico significa “Abelha”. Essa mulher liderou a dominação dos cananeus e foi a única das Escrituras elevada a um alto cargo político por seu próprio povo. Uma líder do seu tempo, com uma capacidade de equilíbrio emocional que a transformou numa sábia conselheira.

Atendimento e aconselhamento eram feitos à sombra de uma palmeira próxima à sua casa. Muitos a procuravam e eram orientados. Naquela época Israel vivia sob a opressão do Rei Jabim, que perseguia os israelitas. Débora convocou Baraque, da tribo de Naftali, e ordenou que recrutasse um exército para a batalha. As orientações de Débora foram seguidas para esse processo. A destruição do poder cananeu foi imortalizada por Débora e Baraque. O plano de Deus foi atendido, e a vitória foi conquistada.

Um lindo cântico de louvor surgiu e está registrado no capítulo 5 de Juízes: “Desperta, Débora, desperta, desperta, acorda, entoa um cântico (v. 12a).

Quais as qualidades dessa juíza? Ela ouvia a Deus, motivou seu povo, delegou tarefas e ofereceu louvor.

Nós podemos fazer a diferença em nossa geração, buscando ao Senhor de todo o nosso coração.

Desperta!!!

Deus abençoe você!

:: SUELY MARQUES DE REZENDE 

FONTE: Lagoinha

CategoriaVida Cristã
Topo
Compartilhar: