Resultados exatos
Procurar nos títulos
Procurar no conteúdo
Procurar nos comentários
Search in excerpt
Procurar nas mensagens
Procurar nas páginas
Search in groups
Search in users
Search in forums
Filtrar por tipo
Filter by Categories
Devocional
Notícias
Palavra dos pastores
Uncategorized
Vida Cristã

Data:
alex-iby-387606-unsplash-1024x683

“Se eu [Tomé] não vir as marcas dos pregos nas suas mãos […], não crerei.” (João 20:25)

Duvido que haja alguém que nunca lutou contra a dúvida em algum momento. Entretanto, descobri que o ter dúvida não é o maior pecado. O maior pecado é não ter fé. Podemos ter dúvidas e ainda prosseguir na fé. Podemos ter dúvidas, mas não de Deus. Com Deus, precisamos de uma fé inabalável.

Quase sempre não damos crédito de confiança a Deus, porém, no mesmo instante, presumimos o pior. Isso é pecado. Tudo o que não provém de fé é pecado (rm 14:23). O senhor fica triste quando não confiamos nele. Ele quer suprir nossas necessidades, libertar-nos do plano do inimigo para nossa vida, mostrar-nos nosso propósito e ajudar-nos a seguir nesse propósito. Ele quer que sempre confiemos nele em todas as coisas.

A fé é um dom (Rm 12:3). Deus dá-nos uma determinada porção de fé para levarmos a vida. A fé para o futuro, a fé de que seu poder nos guia, a fé em sua capacidade de cuidar de nós etc. Às vezes, ele também nos dá uma medida especial de fé para o momento de dúvida. Quando ele faz isso, precisamos agir de acordo.

O fato de Deus responder à nossa fé é um sinal de seu amor por nós. Ele nos recompensa pelo fato de crermos nele, de confiarmos nele e de o amarmos. É seu grande amor por nós que nos leva a ter fé nele. Quanto mais você perceber o quanto ele o ama, mais você terá fé nele. Quanto mais você o adorar, mais entenderá e confiará no amor de Deus por você.

Fonte: Diante do Trono

CategoryDevocional
Topo
Compartilhar: