Resultados exatos
Procurar nos títulos
Procurar no conteúdo
Procurar nos comentários
Search in excerpt
Procurar nas mensagens
Procurar nas páginas
Search in groups
Search in users
Search in forums
Filtrar por tipo
Filter by Categories
Devocional
Notícias
Palavra dos pastores
Uncategorized
Vida Cristã

Data:
rod-long-355994-1024x683

“Vá reunir todos os judeus que estão em Susã, e jejuem em meu favor. Não comam nem bebam durante três dias e três noites. Eu e minhas criadas jejuaremos como vocês. Depois disso irei ao rei, ainda que seja contra a lei. Se eu tiver que morrer, morrerei.” (Ester 4:16)

Você já pensou: “Sou uma só. Minhas orações não fazem diferença”? Muitas de nós pensamos assim às vezes. Mas não é verdade.

Ester era a esposa de Xerxes, o poderoso rei do império persa. Ele fizera da esposa anterior um exemplo, banindo-a por ter-lhe desobedecido. Agora, Ester enfrentaria um castigo ainda mais severo se ousasse aproximar-se do trono sem ser chamada. Ela estava arriscando a vida. No entanto, seu primo Mardoqueu pediu-lhe que fizesse isso mesmo. Seu povo, os judeus, corria grande perigo. “Quem sabe”, disse-lhe o primo, “se não foi para um momento como este que você chegou à posição de rainha?”.

Ester era a pessoa no lugar certo e no momento certo. Ela era a rainha; mas, ainda assim, precisava de coragem e fé. Mais que sua vida, estava em jogo a vida de seus compatriotas. Ela, porém, fez o que era necessário.

Como cristãs, devemos defender o que é certo, mesmo que venham a ridicularizar-nos ou algo pior. Você talvez seja o único cristão no trabalho ou na família — o que faz quando sua fé é confrontada?

Seria muito mais fácil ficar sentado e esperar, em silêncio. Mas, é muito mais desafiador correr riscos e defender o que é certo. Ester jejuou e orou, seguindo a orientação de Deus. Você pode fazer o mesmo, pois nunca sabe quando sua atitude vai resultar justamente naquilo para o que foi criado.

Fonte: Diante do Trono

CategoryDevocional
Topo
Compartilhar: