Resultados exatos
Procurar nos títulos
Procurar no conteúdo
Procurar nos comentários
Search in excerpt
Procurar nas mensagens
Procurar nas páginas
Search in groups
Search in users
Search in forums
Filtrar por tipo
Filter by Categories
Devocional
Notícias
Palavra dos pastores
Uncategorized
Vida Cristã

Data:
images-10

“Portanto, confessem os seus pecados uns aos outros e orem uns pelos outros para serem curados. A oração de um justo é poderosa e eficaz.” (Tiago 5:16)

Você já pensou alguma vez: “Minhas orações são poderosas e eficazes? Se não forem, é porque não sou justa? Afinal, Tiago diz que as orações dos justos são poderosas e eficazes”. Se a resposta for sim, você está enganado.

Ao pensar em o que é ser uma pessoa justa, é muito comum associarmos tal ação ao comportamento. Embora a Bíblia de fato mencione que o desenvolvimento da fé está relacionado com nossas ações e modo de viver, também ensina que nossa retidão não se baseia em nosso bom comportamento, mas no sacrifício de Cristo. A obra de Jesus na cruz e sua ressurreição são os elementos que nos justificam diante de Deus. Somos justos aos olhos de Deus porque ele vê a justiça de Jesus em nós. Comportamo-nos então de maneira reta porque desejamos mostrar nosso amor por Jesus ao vivermos segundo a vontade dEle e ao fazermos o que Ele nos pede.

Muitas vezes pensamos que, se nossas orações não estão curando doentes, permitindo que paralíticos andem ou que montanhas mudem de lugar, não estão sendo poderosas. É comum pensarmos que precisamos ver tais respostas maravilhosas às orações para provar sua eficácia. A verdade, entretanto, é que normalmente não chegamos a ver os resultados de nossas orações. Não sabemos como Deus está trabalhando através delas para tocar as pessoas ou as circunstâncias em que se encontram. Não sabemos o que realizamos ou evitamos em nossa própria vida mediante a oração.

A oração é um ato de fé. Ela é poderosa porque a fazemos a um Deus poderoso e em quem confiamos.

Fonte: Diante do Trono

CategoryDevocional
Topo
Compartilhar: